9.11.09

Era uma vez num jardim

Era uma vez um jardim cheio de borboletas. Neste jardim havia duas lindas flores e um passarinho, depois de algum tempo chegou mais um passarinho para enfeitar o jardim, eles brincavam em cima das flores e estavam muito felizes. Mas um dia apareceu um caçador, pegou um dos passarinhos com uma rede, a flor que brincava com este passarinho ficou triste, muito triste que acabou morrendo. O caçador prendeu o passarinho numa gaiola, ele foi ficando triste e seu canto a cada dia ia ficando mais triste. O caçador vendo que o passarinho estava triste abriu a gaiola o deixando ir embora, o passarinho feliz bateu suas asas e voltou para o seu jardim, chegando lá vendo que sua florzinha havia morrido ele pediu ao outro passarinho para deixá-lo ficar junto na outra flor e eles viveram felizes para sempre. História criada pelo 1º ano em aula de literatura com a professora Judite.

Um comentário:

Ana Paula Fernandes de Mendonça disse...

A Judite como sempre inventando histórias... rrss! Parabéns e grande abraço pra ela. Ouso sugerir as publicações da Mazza Edições(www.mazzaedicoes.com.br). Esta editora que já está quase completando 30 anos e somente agora tem se tornado conhecida aborda temas como a diversidade, o meio ambiente, entre outros para todas as idades. Sucesso!